segunda-feira, 1 de julho de 2013

O dilema de uma mãe festeira: festa em buffet ... pode?

Os seis primeiros aniversários do Luca foram comemorados aqui em casa, com toda aquela demanda que quem organiza festa em casa conhece: limpa tudo, arruma tudo, organiza tudo em cima da hora, toma um banho voando, passa a festa inteira vigiando se tá tudo correndo bem, arruma tudo e limpa tudo quando a festa acaba e vai dormir exausta, mas com uma incrível sensação de missão cumprida.
A festa fica totalmente com a sua cara, seus convidados se sentem acolhidos, ficam muito mais a vontades para aproveitar a festa, enfim, é possível enumerar uma lista incrível de vantagens em comemorar em casa, fora a questão financeira, onde é possível baratear bem os custos.
Acaba uma festa e todos já começam a perguntar da festa do ano seguinte ... só que chega o ano seguinte e você está numa correria danada, sem tempo nem coragem de organizar uma festa em casa, com toda a mão de obra envolvida, mas não quer deixar a data passar em branco ... então a única opção que lhe resta é fazer festa em buffet ... a síndrome do "Shame on me" ataca violenta e você se pergunta ... festa em buffet pode?
E essa é minha pergunta a vocês ... mãe festeira se permite fazer festa em buffet? 
A princípio, vou apenas alugar o local, pois pretendo fazer a decoração, ainda que sem tema, com alguma bossa e também quero levar os salgados e docinhos, para ver se diminui um pouco a minha culpa e tira um pouco a atmosfera de festa padrão e aí vai meu pedido de ajuda ... 
Alguém tem dicas para tornar mais pessoal a festa em buffet? Aceito sugestões, qualquer ajuda, principalmente de sugestões práticas, baratas e cheias de bossa será muito bem vinda!
Beijos, ótima semana, cheia de muita inspiração ...
Tais

7 comentários:

  1. Tais, deixa a culpa de lado e se jooooga!!! Também sou dessas que faz tudo em casa, mas com essa onda de festa em buffet a minha filha já me pediu para fazer uma festa em um local desses... A gente se culpa muito, por tudo, por nada, por qualquer coisa... Aproveita para curtir, pela primeira vez, a festinha do seu filhote. Sente-se, converse com seus convidados e deixe que o buffet faça a parte chata de checar se todos estão servidos ou se falta refri pra outra mesa... Sem culpa, só felicidade... E no próximo ano, quanto tiver tempo e coragem você faz do seu jeito... Sem culpa, só felicidade!!! Beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, Pri, depois de 6 festas em casa, é um pouco difícil abrir mão de fazer tudo, mas com a correria que ando, não tenho essa opção esse ano, por isso resolvi adotar o buffet como estratégia para viabilizar a comemoração, mas vamos combinar que as crianças se divertem do mesmo jeito, né? rssss
      Estou disposta a curtir, não antes de cuidar da decoração e dos comes, mas tenho certeza que será uma festa menos cansativa para mim!
      Se tiver ideias de coisinhas bacanas, me mande!
      Bjs,
      Tais

      Excluir
  2. Ah Thais, amei a questão levantada, ia até comentar no e-mail mas esqueci, então vai por aqui ehhe
    Também sofro muito quando não dou um toque pessoal nas coisas, principalmente nos comes e decoração.
    Em breve, terei minha festa de noivado e quando cogitei a ideia de comprar tudo pronto sofri muito, mesmo! Não só pela questão financeira (que vamos combinar, faz muita diferença), mas também por todo o envolvimento, expectativa e carinho projetados no evento antes mesmo dele existir.
    Embora ainda não seja mãe, já me vejo passando por tudo isso novamente, mas em doses bem maiores.
    Quando as mães que preparam tudo e principalmente envolvem os filhotes nas tarefas, acho que fica mais gostoso e eles se sentem super importantes vendo os preparativos.
    Mas convenhamos que nem sempre a gente tem tempo para fazer tudo (imagino você, com suas festas lindas e super detalhadas)e acabamos deixando de lado outras coisas que seriam mais importantes no momento.
    Acho que buffets também podem ser muito divertidos e ainda ter aquele clima aconchegante da nossa casa.
    E, a verdade é que como a Pri falou acima, criança se diverte com tudo!
    Pra que você sinta um pouco menos esse baque, uma sugestão que tenho é que você se envolva com as atividades no dia, coordenando as brincadeiras por exemplo.
    Escolha algumas brincadeiras antigas como: morto e vivo ou outras (tem umas aqui: http://eufacoafesta.com.br/fazendo_a_festa/festa-brincadeiras-antigas-para-festas-infantis). Quem sabe você pode até preparar alguns brindes para elas?
    Assim você não terá tanto trabalho e poderá ficar perto do seu filhão, dividindo esse momento tão gostoso que é a festa de aniversário, sem ter que se preocupar com nada além de se divertir!
    Ainda tem um tanto de ideia borbulhando na minha cabeça aqui, acho que isso vai acabar virando um post rs...
    Beijos,

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Eu já vivi esse dilema tbem, ano passado. Todos os anos comemoramos o aniversário da minha filha Júlia em casa e amo fazer as coisas, só não sou boa na cozinha, mas mesmo assim sempre sirvo um docinho diferente, feito por mim.
    Ano passado Juju implorou pra ter uma festa num determinado buffet aqui da minha cidade e atendemos o pedido da aniversariante, claro. Para não deixar tão igual a todas as festas de amiguinhos que a classe já tinha participado eu me dispus a fazer o convite, o centro de mesa e as lembrancinhas. No mais ficamos com o "pacote" contratado.
    Eu teria até feito mais coisas tipo uma mesa de guloseimas personalizada e diferente das oferecidas pelo buffet, mas o orçamento estava apertado e preferi investir num bom fotógrafo.
    Esse ano a festa dela acabou de acontecer e foi lá em casa, ela escolheu o tema "Piquenique" e quase fiquei doida com tantas possibilidades (crie até um Pinterest pra não perder nada de vista) e por incrível que pareça a criançada a-do-rou! Fiquei uns tres dias com insônia e uns 3 dias pós-festa com dores nas pernas, andei quilômetros! rss
    A festa do buffet foi legal, gostei da experiência e como choveu dia e noite sem parar foi muito melhor ter feito no buffet, não faltou um convidado e todos ficaram bem acomodados.
    O piquenique tbem foi um arraso, uma tarde inteira de diversão sem mto compromisso de horário, teve criança que levou irmão que nem estava na lista, mas não tive que pagar nada a mais por isso!
    Como vc pede sugestões, uma coisa que agradou demais na festa Piquenique foram as bisnagas de brigadeiro, fiz 50 e se tivesse 100 não teria sobrado nenhuma sequer, até os adultos gostaram! rsss
    Eu não gosto de dar balas e afins, então fiz um saquinho de papel, desses de pão, sem nada escrito, coloquei pirulito de brigadeiro, aqueles feitos com bolacha, sabe? Eu mesma fiz e ficaram deliciosos! a bisnaga e salgadinhos de queijo (torcida, que eles amam!), foi um sucesso!!! Ah, coloquei uma tag personalizada no saquinho pra ter uma "bossa"... rs
    Minha sugestão é faça o que der pra vc fazer, mas acima de tudo curta a festa! Bjos

    ResponderExcluir
  5. Amiga? Que post legal... minha cabeça fica aqui fervilhando de idéias.

    A primeira coisa que tenho pra te dizer, de todo meu coração, não se culpe POR NADA, pois vc é mulher, esposa, mãe, trabalhadora, dona de casa... somos tudo isso e além de todas essas funções, temos que cuidar do nosso espírito, temos amigos para cuidar, vc tem este blog pra cuidar (pois através dele nos conhecemos), famílias (sua e de seu marido) para cuidar, tarefas escolares do Luca para cuidar, cachorro, papagaio e piriquito para cuidar. E ainda tem que estar linda e cheirosa para namorar a noite com o maridão, não é mesmo? Kkkk.

    Nós... eu, vc e suas seguidoras aqui do blog somos “peças raras” que ainda tiramos um tempo dentro de todas as nossas atividades para fazermos m-a-n-u-a-l-m-e-n-t-e as festinhas dos nossos filhos, isso é RARIDADE.

    Portanto nos resta arrumar alternativas para que a festa saia com a nossa cara, com o nosso jeito, só não concordo em deixar passar em branco, isso de forma alguma!

    Pois é uma fase que passa rápido e daqui alguns anos eles não querem mais festas.

    Segue algumas idéias que tenho pesquisado e visto na net.

    1) mesa de guloseima self service (não há necessidade de personalizar nada, apenas usar aqueles vidros transparentes e deixar uns saquinhos e um pegador, estilo aquele pegador de macarrão, para que cada um se sirva).
    2) Seus doces não podem faltar, até porque aprendemos a congelar nossos docinhos de festa e que são igualmente saborosos e fresquinhos como se tivéssemos feitos no dia da festa. Portanto...não temos mais desculpa! Kkkk
    3) Porque não pensar em um cantinho com mesas e cadeiras especialmente para a criançada? Onde possam pintar, modelar e até quem sabe, realizar uma oficina de cupcakes e/ou de artes ? Fiz na festinha do meu pequeno...e foi sucesso! E o melhor... a relação custo x benefício foi ótima!
    4) Reviver as brincadeiras de antigamente...bambolê, vivo ou morto, caça ao tesouro escondido, corrida do saco, corrida do ovo na colher, cabo de guerra e etc. Vc pode dividir a criançada em dois grupos....onde cada grupo terá uma cor...que será especificado com uma faixa na testa amarrada (estilo Rambo....kkkk).

    Tenho certeza, mas tanta certeza de que você irá fazer as melhores escolhas.

    Gostaria de morar pertinho de vc para lhe ajudar nestas tarefas...mas...moramos longe demais uma da outra, só nos resta trocarmos nossas experiências virtualmente.

    Conte sempre comigo.

    Bjus.

    ResponderExcluir
  6. Olá!

    Primeira vez no seu blog e adorei o tema levantado. Realmente, festa feita por nós fica com a nossa cara, isso é fato. Eu sou do tipo que adora inovar, personalizar, sou atenta aos detalhes, à decoração... Mas dá muito bem para personalizar a festa feita num buffet, é só inovarmos nas lembrancinhas, enfeite das mesas, dá para levar uns doces diferentes e personalizados...

    Quando me casei, fiz num buffet estilo "pacotão", a decoração costumava ser muito igual, sabe?! Mas a minha festa foi totalmente diferente...pedi para mudar a estrutura e disposição das mesas do bolo e doces, eles fizeram um "mesão" com doces lindos que eu comprei por fora em um espaço diferente do habitual, eu levei uns itens novos para colocar na decor e ainda usei e abusei da identidade visual. Também mandei fazer um painel com fotos para colocar como plano de fundo na mesa do bolo... Enfim, ficou muito legal e todos adoraram!

    Além disso, festa num buffet infantil é mais divertido por ter uma estrutura de brinquedos que não dá para a gente colocar em casa, as crianças se divertem e os adultos também! Quando é em casa, os adultos ficam sem ter o que fazer a não ser comer e conversar... Enquanto convidada, particularmente, eu prefiro as festas no buffet infantil justamente por isso, acaba sendo mais divertido e posso dizer que muita gente pensa assim.

    Espero ter te ajudado, beijos!

    ResponderExcluir

Deixe aqui sua crítica construtiva, elogio, opinão, etc ... Vou adorar recebê-los!